sexta-feira, 29 de abril de 2011

A ignorância destroe - 29 Abr

“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento.” (Oséias 4:6)

No versículo de hoje aprendemos que o Senhor chama atenção de Israel através do profeta Oséias, revelando o resultado de suas ações por não darem crédito aos seus ensinamentos. A corrupção, a concupiscência  e o pecado de uma forma geral contaminava o povo e os mesmos recebiam como recompensa maldição para suas vidas. Na totalidade do relato registrado pelo profeta  podemos testificar a misericórdia de Deus tentando resgatar seu povo, porém o aleivoso caráter de Israel os atribui a condição de desobedientes e conseqüentemente a condenação a morte.


Conclusão:
Nos dias de hoje não é diferente, muitas pessoas tem se deleitado nos prazeres da carne, têm se preenchido pelo que o mundo oferece e com isso tem sofrido conseqüências amargas e aniquilado gerações. A falta de conhecimento nos priva de receber tudo aquilo que temos por direito como herança através da adoção como filhos, herdeiros pelo sangue de Jesus derramado no calvário. “Busque relacionamento íntimo e sincero com o teu Deus e receba o melhor de Deus na tua vida..”.

  

Versículos relacionados:
“E sede cumpridores da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos.” (Tiago 1:22)
“Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça; para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente preparado para toda boa obra.” (II Timóteo 3:16~17)
“Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós que outrora nem éreis povo, e agora sois de Deus; vós que não tínheis alcançado misericórdia, e agora a tendes alcançado.” (I Pedro 2:9~10)



Bom Final de Semana e que Deus te Abençoe...    
(Palavra de hoje por Paulo Marcelino)

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Jesus Venceu - 27 Abr

“E disse-me um dos anciãos: Não chores; eis aqui o Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, que venceu para abrir o livro e desatar os seus sete selos.” (Apocalipse 5:5)

Muitas coisas nos fazem chorar: Uma enfermidade sem cura, a família desajustada, amigos que traem a confiança, a demissão do emprego, etc., etc...
E você? Há algo lhe fazendo chorar? O versículo de hoje diz: “Não chores”.
Sim, não chores, pois Jesus, o Leão da Tribo de Judá VENCEU!!!


Conclusão:
Jesus venceu a morte, venceu o pecado. Agora ele também nos concede a vitória sobre todo e qualquer problema de nossas vidas.
Ele venceu para nos fazer vencedores.


  



Versículos relacionados:
“Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas. Eu sou a Raiz e a Geração de Davi, a resplandecente Estrela da manhã.” (Apocalipse 22:16)
“Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que levantarei a Davi um Renovo justo; sendo rei, reinará, e prosperará, e praticará o juízo e a justiça na terra.” (Jeremias 23:5)
  

terça-feira, 26 de abril de 2011

Valorize o fruto de seu trabalho - 26 Abr

  “Os bens que facilmente se ganham, esses diminuem, mas o que ajunta à força do trabalho terá aumento.” (Provérbios 13:11)

“Aquilo que vem fácil ninguém valoriza.”
O versículo de hoje mostra uma realidade na postura humana. Tudo aquilo que ganhamos de “mão beijada”, ou seja, facilmente, a tendência é não valorizarmos tais coisas, pois não é fruto do nosso suor. Por esta razão vemos muitas pessoas que recebem grandes heranças, resultado de anos de trabalho de seus pais e avós, no entanto perdem tudo o que receberam por não darem o devido valor.


Conclusão:
O trabalho dignifica o homem, e o seu fruto é benção do Senhor. Valorize o fruto de seu trabalho e aquilo que Deus tem lhe dado para administrar, ainda que tenha vindo às suas mãos de forma “fácil”, glorifique a Deus e dê o devido valor, porque do contrário essas coisas se vão facilmente.
Seja Feliz!!!

  



Versículos relacionados:
“Os tesouros da impiedade de nada aproveitam, mas a justiça livra da morte.” (Provérbios 10:2)
“A posse antecipada de uma herança no fim não será abençoada.” (Provérbios 20:21)
“E, se tais riquezas se perdem por qualquer má aventura, ao filho que gerou nada lhe fica na mão.” (Eclesiastes 5:14)


segunda-feira, 25 de abril de 2011

Intimidade - 25 Abr

"Reclinando-se aquele discípulo sobre o peito de Jesus, perguntou: Senhor, quem é?" (João 13:25)

Durante a Última Ceia, Jesus anuncia que um dos seus discípulos havia de trair-lhe. Querendo saber quem haveria de ser, João, o apóstolo, reclina-se sobre o peito de Jesus e lhe pergunta quem seria o traidor, então Jesus lhe responde: "É aquele a quem eu der o pedaço de pão molhado. Então, molhando o pedaço de pão, deu-o a Judas Iscariotes..." 
Gostaria de ressaltar no versículo de hoje o fato de João haver se reclinado sobre o peito de Jesus, isto mostra quanta intimidade havia entre o discípulo e o mestre, e mostra também que o Mestre revela coisas ocultas àqueles que reclinam sua cabeça sobre seu peito, isto é, aqueles que tem intimidade com Ele. 


Conclusão:
Recline sua cabeça sobre o peito de Jesus, então ele lhe revelará coisas "grandes e ocultas que não sabes" (Jr 33:3).
Busque intimidade com Deus.
  



Versículos relacionados:
"Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações. Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza."  (Tiago 4:7a9)
"Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes" (Jeremias 33:3)

  

Boa semana.
Deus te abençoe.

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Páscoa (parte 2) - 20 Abr

“E disse-lhes: Tenho desejado ansiosamente comer convosco esta Páscoa, antes do meu sofrimento.” (Lucas 22:15)

Continuando a meditação sobre a Páscoa...
Após o povo de Israel sair do Egito e entrar na terra prometida (Canaã), foi incluído um elemento a mais na celebração da páscoa, o cálice de vinho, representando agora as bênçãos da nova terra que Deus deu ao seu povo.
Jesus era Judeu, e como Judeu ele guardou toda a Lei. A festa da páscoa fazia parte dos mandamentos de Deus para o povo, por isso era necessário o próprio Jesus também celebrar a páscoa anualmente. Por isso ele e seus discípulos “comeram a páscoa”.


Conclusão:
Jesus deixou duas ordenanças para sua igreja: o Batismo (Mt 28:19) e a Ceia (Lc 22: 19 e 20).
Na noite em que Jesus foi traído, após comer a páscoa com seus discípulos, Jesus dá uma nova orientação a sua igreja, a Ceia. Ele usa dois elementos que estavam presentes na mesa da páscoa, o pão asmo e o cálice. Sendo assim, a ordenança que ele deu a igreja foi que todas as vezes que nós comecemos o pão e tomássemos o cálice nós estaríamos “anunciando a morte do Senhor até que Ele venha” (1Co 11:26), de forma que a Igreja de Cristo não celebra a Páscoa, mas sim a Ceia do Senhor, que é um “memorial” da morte e ressurreição de Jesus Cristo.

  



Versículos relacionados:
“Enquanto comiam, tomou Jesus um pão, e, abençoando-o, o partiu, e o deu aos discípulos, dizendo: Tomai, comei; isto é o meu corpo.” (Mateus 26:26)
“Lançai fora o velho fermento, para que sejais nova massa, como sois, de fato, sem fermento. Pois também Cristo, nosso Cordeiro pascal, foi imolado.” (1 Coríntios 5:7)
“Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim. Por semelhante modo, depois de haver ceado, tomou também o cálice, dizendo: Este cálice é a nova aliança no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim. (1Co 11:23~25)